Está tão claro que África só pode assistir os campeonatos mundiais de futebol e não participar - Opinião

Está muito claro que África no futebolainda tem muitoque aprender e inestir. Quando em 2010,o Ghana surpreendeu-nos aomandar embora a argentina,a esperança ficou radiante e fixamos nossos olhos na TV para assistir a jovem selecção que todo custo fez de tudo e menos nada para mostrar aos irmãos que valemos algum coisa na bolinha redonda procurada por 22 homens em campo.
Resultado de imagem para mundial2018


Passados 8 anos apareceu a velha Senegal e entrou com dois pés, pensávamos ter alguém capaz de defender a honra dos "pretos", mas tudo foi uma ilusão e decepção. Aos moçambicanos que nunca puseram os pés naquele campeonato só resta se matarem e se insultarem ou por LEONEL MESSI ou por CRISTIANO RONALDO. Juntamos as mágoas porque me Moçambique saimos da crise financeira absoluta e lutamos para vencer um inimigo que se chama pobreza aranjada pela rede de telefonia móvel que não julgo conhecer o nome mas que está a asfixiar os meus compatriotas e que mais  dias ou menos poderá-se desencadear uma guerra ´socio-tecnológica.

Caros compatriotas, leitores e admiradores dochamado desporto REI,na minha hu,milde e sincera opinião África émuitomais grande para desperdiçartempo assistindo indivíduos que lucram chutando uma bolinha. Com a derrota insignificante diante da Coilóbia deitamos fora o sonho de continuarmos neste campeonato. Juro se alguém tiver senso de humor vai repensar comigo e no fim vaime dar razão. ÁFRICA NÃO PODE IR TÂO LONGE COM A BOLA NOS PÉS. Vejam que todos africanosque conhecemos e que se deram bem nesta coisinha redonda jogaram por outros países fora a África.

Continua...

Autor Desconhecido
Enviar um comentário
Com tecnologia do Blogger.