Segunda maior cidade Sul Africana não tem água para consumo humano

As autoridades sul-africanas proclamaram hoje o estado de catástrofe natural em todo o país devido à seca histórica que assola a África do Sul há vários meses a região da Cidade do Cabo, ameaçada de ficar sem água potável.
Segundo noticiou nesta quarta-feira(13) a BBC, o governo da África do Sul declarou um desastre nacional para lidar com áreas atingidas pela seca, como o popular destino turístico da Cidade do Cabo. 
Isso permitirá que as autoridades tenham acesso a fundos especiais. 
O anúncio foi feito pelo Ministro da Governança Cooperativa Zweli Mkhize.
Ele disse que a decisão foi anunciada às 10:00 horas desta quarta-feira, na sequência do trabalho realizado pela Equipe Interministerial de Tarefa (IMTT) sobre a seca e a escassez de água.

Um montante de 6.000 Milhões de Rands cerca de  3,4 bilhões de Euros, foi anulado no discurso orçamental 2018/19 para aliviar as comunidades afetadas.
O ministro Mkhize enfatizou que um processo rigoroso será seguido ao alocar fundos de socorro.
"Nós pedimos a todos no país que usem água com moderação, pois somos um país com escassez de água".
A declaração nacional de catástrofe abrange um período de três meses.
Segunda maior cidade Sul Africana não tem água para consumo humano Segunda maior cidade Sul Africana não tem água para consumo humano Reviewed by Unknown on março 14, 2018 Rating: 5

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.