Lixo preocupa moradores do bairro de Hulene.

Há sensivelmente um ano, uma cratera resultante das águas das chuvas deu origem a uma lixeira no bairro de Hulene.

Delfina Sitoe, falou aos microfones da Rádio Voz Coop que é praticamente impossível ficar no quintal da sua  casa, pois o cheiro nauseabundo impede que ela desfrute dos seu espaço de lazer.
Delfina, acrescentou ainda que as proporções que o lixo esta a a tomar, fica cada vez mais difícil passar da rua.
Por outro lado, segundo Hilário Chipande, morador daquele bairro, o lixo naquele lugar tem criado mosquitos e que as pessoas quando encontradas a deixar o lixo alegam que estão tapar a cova ali existente.
Incorformados com a situação, a equipe de reportagem da radio voz coop foi fundo na busca de informações ligados ao deposito de lixo naquele local.
Em conversa com o chefe do quarteirão daquele bairro, disse não ser a pessoa ideial para responder as nossas questões porque o lixo não é somente depositado por pessoas do seu quarteirão e recomendou a entrar em contacto com secretaria do abirro que por sua vez não se disponibilizou a gravar a entrevista.
Enviar um comentário
Com tecnologia do Blogger.